quarta-feira, julho 03, 2013

Venerar X Adorar

Se existe uma "ladainha" católica romana que não me entra na cabeça é a seguinte:

"Nós não adoramos imagens de escultura... nós apenas as veneramos".

Um dia desses eu estava fazendo uma pesquisa na Internet, e me deparei com um site católico romano que estava apresentando exatamente este argumento para justificar a quebra do 2º Mandamento.

Aliás, mandamento este que foi abolido radicalmente no Catecismo, talvez porque ele causaria grande constrangimento (apesar da cegueira do povo) se as pessoas começassem a questionar o "porquê" de tantas imagens dentro dos templos, catedrais e santuários.

Se beijar uma imagem de gesso, ajoelhar-se diante dela, fazer-lhe pedidos e orações, acender velas em sua homenagem, andar quilômetros atrás de um "andor", etc., não for adoração de imagens... então eu não sei mais o que significa "adoração".

São inúmeras as matérias da Imprensa sobre as populares festas em homenagem aos "santos", todas elas com demonstrações públicas, explícitas e organizadas de adoração a imagens de pessoas vivas ou mortas.

Imagem verte mel e atrai muitos fieis
Cidade Natal de Bento XVI vende até "cerveja do papa"
Aposentado morre após pedalar até Aparecida
Estátua de Bento XVI é "abençoada" por Arcebispo de Aparecida
Milhares de fieis visitam o corpo exumado de Padre Pio

Estas são apenas algumas das matérias que arquivei sobre a adoração a imagens largamente incentivada e defendida pelo clero católico.

Dizer que isso não é adoração, é um verdadeiro atentado à nossa inteligência!


Os Evangélicos e o Segundo Mandamento

Frequentemente eu recebo e-mails de pessoas que se sentem atingidas por alguma postagem que coloco aqui no Blog. Normalmente são leitores contrários à fé Adventista, que não concordam com nossa crença na guarda dos mandamentos, por exemplo.

Certa vez, um destes leitores argumentava da seguinte maneira:

"Me mostre no Novo Testamento onde está a REPETIÇÃO do mandamento do sábado, e eu passarei a guardá-lo na Igreja Adventista".

Parece um "desafio" de alguém muito sincero e desejoso de seguir a verdade bíblica... mas a experiência tem demonstrado que não é. Pessoas assim acreditam que o NT deveria ser uma cópia exata do AT, especialmente com relação aos mandamentos. É uma maneira "lógica" de calarem suas consciências desobedientes.

Mesmo depois de você mostrar as inúmeras passagens do NT que mostram claramente que Jesus, Seus apóstolos e Seus discípulos sempre guardaram o mandamento do sábado (ex.: Lucas 4:16; 23:51-56; Atos 16:11-15; 18:1-4; etc., etc., etc.), estas pessoas continuam dizendo que não podem aceitar esta crença, porque o 4º mandamento não é REPETIDO, PALAVRA POR PALAVRA no Novo Testamento, o que, para eles, demonstra que este mandamento deixou de existir.

O curioso é que eu ainda não vi nenhum evangélico dizer que os católicos estão livres da adoração de imagens, pelo mesmo motivo que citei acima. Afinal, o 2º mandamento TAMBÉM NÃO É REPETIDO, PALAVRA POR PALAVRA, no Novo Testamento.

E agora?

Os católicos estão livres da adoração de imagens porque o 2º mandamento não aparece no NT com as mesmas palavras do AT? Qual o "evangélico" que vai se levantar para defender isso?

Como eu digo sempre, a questão nunca é contra a lei de Deus... mas contra o Sábado do Senhor. É por isso que o diabo fica irado quando alguém se levanta para defender o Dia que o Senhor escolheu para Si (cf. Apoc.12:17; 14:12). A propósito, você já parou para refletir que foram exatamente os dois mandamentos mais extensos que o diabo conseguiu retirar da vida da Cristandade apostatada? (cf. Êxo. 20:4-6; 20:8-11). Prevendo isso, talvez, foi o motivo pelo qual Jesus advertiu que nenhuma letrinha, por menor que fosse, deveria ser retirada das Tábuas Sagradas (Mat. 5:17-19). A arrogância do papado foi tamanha, que eles retiraram os dois mandamentos que mais continham letras... e os evangélicos seguiram na mesma onda...

Podem usar os argumentos fajutos que forem, mas eu prefiro seguir na mesma fé que Paulo seguia:

"Porém confesso-te que, segundo o Caminho, a que chamam seita, assim eu sirvo ao Deus de nossos pais, acreditando em todas as coisas que estejam de acordo com a lei e nos escritos dos profetas, tendo esperança em Deus, como também estes a têm, de que haverá ressurreição, tanto de justos como de injustos" - Atos 24:14-15.

Aleluia!
Que previsão magistral da fé Adventista do 7º Dia!



6 comentários:

Walans disse...

Muitooo bom ler este artigo para nos firmar ainda mais na verdade...
Tenho visto coisas absurdas a respeito desta Teologia da Prosperidade, lembro que no ano de 2004 tive a oportunidade de assitir um sermão especial sobre assunto pelo ex-presidente da APO Carlos Alvarenga...na ocasião repassei este sermão para a igreja.O Que me deixa mais apreensivo é que na época não se ouvia falar de Igreja Mundial do Poder de Deus e seus meios mirabolantes de pregar com mais convicção ser uma verdade esta teologia....Tenho visto pessoas em seus despero por estar muitoo endividado, ou por uma doença terminal darem realmente tudo o que tem para uma falsa benção exigida a Deus, e foi assim que a uma grande conhecida de minha mãe morreu, primeiro doou o impossivel, recebeu a cura do Valdemiro, e morreu semanas mais tarde....
Que Deus continue te abençoando Gilson...
Grande abraço...

Walans disse...

Gilson,

certa vez o Pastor Roberto Motta em uma série de evangelismo disse o seguinte...
"Neste momento eu desafio a qualquer um que mostrar na biblia que o sabado foi abolido e o domingo é o dia de guarda, se alguem provar daremos toda aparelhagem aqui utilizada..os carros, e todas as igrejas da APO será desta pessoa".... (foi mais ou menos assim...) Até o momento não chegou nenhuma carta do presidente da APO que a nossa igreja será entregue a alguem que respondeu a esta pergunta...rsrsrsrsrsrs

Abraços...

Gilson Medeiros disse...

Caro Walans, obrigado pelos comentários.

osvaldo disse...

Ola Gilson Medeiros, gostaria de falar sobre o comentario de que não existe no Novo Testamento a proibição de se adorar imagem, pois existe sim, para quem entende o que é adultério. Hoje somos a noiva do messias, somos de um só marido, de forma que se adoramos outros,e dirigirmos nossas´petições a outros que não seje o messias, isto constitui adultério,e isto é pecado. É como marido e mulher ambos sentem ciumes.

Retiro da Transfiguração 2010 disse...

Bom dia.

Sou Católico Apostólico Romano, feliz por ser membro da Igreja fundada por Cristo e não por homens.

Eu sou católico, tenho imagens em minha casa e não as adoro. São imagens, apenas imagens. Se um dia elas quebrarem eu me desfaço delas e as substituo. Ora, Deus é inquebrável e insubstituível. Portanto, afirmar que adoramos imagens, isto sim, é uma ofensa à inteligência.

O nosso Deus estimado Gilson é a Santíssima Trindade, o Deus único em três pessoas: Pai, Filho e Espírito Santo.

O respeito que temos aos santos, igualmente, não é uma adoração. É uma veneração aos homens e mulheres que entregaram a sua vida a Cristo e se sacrificaram ao extremo, muitas vezes com a própria vida, para serem fiéis a Cristo. Então, Deus é o Cristo, santos são grandes homens e mulheres, em quem nos espelhamos para melhor seguir a Jesus Cristo que é o nosso único Deus e Salvador.

A Igreja Católica distingue três formas de culto:

Dulia: culto de veneração aos santos;
Hiperdulia: culto veneração especial direcionada à Maria;
Latria: culto de adoração, este sim, somente direcionado a Deus.

Portanto, caro Gilson, não há adoração nem de imagens e nem de santos na Igreja Católica Apostólica Romana.

Um abraço,

Que Deus o Abençoe.

Gilson Medeiros disse...

Caro moderador do perfil "Retiro..."

Como sempre, o que vejo das argumentações católico-romanas é muito de filosofia e eclesiologia e pouco de Teologia e Bíblia.

Prefiro ficar com o Assim diz o Senhor, e não adorar, venerar, cultuar, etc... qualquer tipo de representação, em honra ao 2o. mandamento da Lei de Deus (Êx. 20:3-17, presente, inclusive, na Bíblia utilizada pelos católicos, apesar de ser usado outro mandamento na doutrinação catequista.

Um abraço
Gilson.

Cursos Básico, Médio e Avançado

Ebook 101 Razões