quarta-feira, julho 16, 2014

O Cristianismo é uma Fraude?

Infelizmente, existem alguns cristãos que estão sempre sendo "agitados pelo vento" (cf. Efés. 4:14), balançando para lá e para cá conforme as "revelações" fantásticas que vão surgindo em revistas, filmes e livros ao redor do mundo.

No Brasil, uma revista que está sempre levantando suposições contra a fé cristã é a SUPERINTERESSANTE. Vez ou outra surge uma "nova" matéria colocando em dúvida o Criacionismo, a vida de Jesus, a veracidade dos fatos bíblicos, etc.

O objetivo deste tipo de revista é um só: VENDER.

Pena que muitos professos cristãos caem na armadilha de marketing destas editoras, e acabam engordando os lucros delas. Como diz um ex-professor meu: tudo não passa de "comida requentada", apresentada como se fosse nova.

Eu já disse aqui algumas vezes que praticamente TODAS as acusações que fazem contra a fé Cristã, e em especial contra os Adventistas, já foram respondidas devidamente no passado. Como pouquíssimos se dão ao trabalho de pesquisar em fonte confiável, limitando-se ao velho "copiar e colar" tão comum em tempos de Internet, então tais pessoas não conseguem se firmar em sua fé e, nas palavras de Paulo, são como "crianças" agitadas pelas falsas doutrinas.

Há algum tempo, recebi vários e-mails com dúvidas que refletem exatamente o pensamento de livros como "O Código Da Vinci", de Dan Brown. Este livro tem dado um impulso em algumas teorias fantasiosas sobre o Cristianismo, e muitas pessoas (inclusive Adventistas) estão se deixando levar por esta ficção (que já vendeu mais de 40 milhões de exemplares em todo o mundo!), tendo se tornado até um filme muito aclamado pelos céticos de plantão.

Como eu disse, é uma pena que estas pessoas estejam se deixando influenciar por tais fantasias, e não se deem ao trabalho de pesquisar para ver se o que estão lendo, ouvindo e assistindo corresponde à verdade dos fatos. As dúvidas são sempre as mesmas:

- É verdade que Jesus se casou com Maria Madalena?
- A Igreja Católica fez uma conspiração para encobrir isso?
- Jesus era apenas um homem especial, e não tinha nada de divino?
- Os 4 Evangelhos que temos hoje foram escolhidos sorrateiramente para encobrir a real vida de Jesus?
- Por que centenas de outros evangelhos e cartas foram descartados pelos bispos que escolheram o "Cânon" do Novo Testamento?
- É verdade que a Bíblia que temos hoje sofreu alterações ao longo dos anos? Podemos confiar nela?

Entre outras...

Desde 2006 que a Casa Publicadora Brasileira lançou um excelente livro que responde a TODAS as falsas alegações do "Código Da Vinci", e que estão sempre reaparecendo em revistas como a SUPERINTERESSANTE. O nome deste livro é "O CÓDIGO DA VINCI e a BÍBLIA", escrito por 2 pesquisadores australianos, e traduzido para o português. Leia, e veja como é fácil desarmar uma história fantasiosa como a que Dan Brown criou!

Se você estiver sempre estudando sua Bíblia, a Lição, a Revista Adventista e estes livros que a CPB frequentemente publica para nos ajudar a fortalecer nossa fé, então, com toda certeza, aquela repreensão de Paulo em Efés. 4:14 não se aplicará à sua vida em particular.

"Antes, santificai a Cristo, como Senhor, em vosso coração, estando sempre preparados para responder a todo aquele que vos pedir razão da esperança que há em vós" - 1Ped. 3:15.

8 comentários:

OwEn fabricio disse...

Olá, Gilson

Um versiculo que sempre digo, e falo para as pessoas q estão sempre com a mesma duvida. é esse

Oseias 4:1 a 6
e uma ATENÇÃO especial no v:6

O povo de Deus não tem conhecimento...

Gastamos nosso tempo com, Revista, futebol,jogos,video game, novelas, e etc

Nao estou falando q isso é pecado...

Porem com essas coisas na nossa vida, no falta tempo pra ler a biblia, lição da escola sabatina e espirito de profe
E os livros da CPB

Se (Eu) e vc fazermos de Jesus o primeiro e estudando esses materiais, vc vai ser como diz o salmos 91:7

Deus nos ajude.
Flw - Gilson

Gilson Medeiros disse...

É isso mesmo, Fabricio.
Obrigado pelo comentário.

Sobral disse...

Olá Gilson, tudo bem?
estive em minhas pesquisas rotineiras na net e achei esse lançamento de Bíblia, a Bíblia Judaica Completa http://www.editoravida.com.br/loja/product_info.php?cPath=273&products_id=800&osCsid=strfgts54g7hrnlh6h45kcubi3 da editora vida, eu queria saber o q ela tem? é em portugues? eu li a descrição no site, mas naum deixa muito claro qt ao contuedo. Valewww pela att.

Gilson Medeiros disse...

Grande Sobral, ao que me pareceu (conforme a sinopse apresentada no site da Editora), me parece ser uma versão "judaica" da Bíblia, e em português.

Pode ser uma fonte interessante para pesquisa, mas devemos ter cuidado com este tipo de material, devido ao pensamento "dispensacionalista" encontrado no meio evangélico. Esta corrente teológica vê no povo judaico atual ainda um povo escolhido, de onde sairá a vitória final da Igreja Cristã.

Segundo o que os Adventistas crêem sobre o assunto, acredito que esta versão da Bíblia que a Editora Vida está comercializando, trará alguns pontos que estejam em conflito com nossa fé.

Salvo engano, esta é minha opinião sobre a versão que você apresentou.

Um abraço.
Gilson.

Chacon disse...

Entendo que cada um é livre para crer no que quiser, contudo, tentar fraudar uma verdade jogando dentro de uma revista de grande ciruculação somente um lado da informação sem pesquisa, é serviço do diabo. Abraço

Anônimo disse...

"(...)O diabo não joga porcaria dentro da fonte. Ele só
mexe o lodo que repousava no fundo da água limpa. E aí começam a surgir sapos,
cobras, escorpiões - e o rosto de Narciso vira coisa feia." (Rubem Alves)


Erick disse...

Primeiramente gostaria de dizer que acho o blog muito bom, parabéns.

Eu sou assinante da revista Superinteressante, e tenho que dizer que ela tem noticias boas, e boas reportagens também, mas essas enganações sobre religião eu prefiro nem ler.

Ivani Medina disse...

A nossa cultura cristã chegou no gargalo. Quando iniciei minha pesquisa diletante acerca da origem do cristianismo, eu já tinha uma ideia formada que pode parecer esdrúxula: nada de Bíblia, teologia e história das religiões. Todos os que haviam explorado esse caminho haviam chegado à conclusão alguma. Contidos num cercadinho intelectual, no máximo, sabiam que o que se pensava saber não era verdade. Dentro desses limites reina a teologia e não a história. É isso o que a nossa cultura espera de nós, pois não tolera indiscrições. Como o mundo não havia parado para que o Novo Testamento fosse escrito, o que esse mesmo mundo poderia me contar a respeito dessa curiosidade histórica? Afinal, o que acontecia nos quatro primeiros séculos no mundo greco-romano, entre gregos, romanos e judeus? Ao comentar o livro “Jesus existiu ou não?”, de Bart D. Ehrman, exponho algumas das conclusões as quais cheguei e as quais o meio acadêmico de forma protecionista insiste ignorar.

http://cafehistoria.ning.com/profiles/blogs/paguei-pra-ver

Cursos Básico, Médio e Avançado

Ebook 101 Razões