segunda-feira, julho 06, 2015

"Ser de Jesus" dá status!

Sempre que estou no trânsito, procuro observar os adesivos com motivos cristãos que os donos colam em seus "possantes".

Um dia desses, percebi que um pouco mais à frente também seguia outro carro, fazendo zigue-zague no trânsito, algo muito comum aqui em João Pessoa/PB... infelizmente.

Mas o que me causou admiração, e deu motivação para escrever esta postagem, foi que a traseira do carro estava cheia de adesivos "cristãos".

"Jesus mudou meu viver"
"Jesus te ama"
"Deus é fiel"

Continuei dirigindo, e pensando...

Que espaço Jesus ocupa, de fato, na vida dos que se rotulam de "cristãos"? Segundo a Bíblia, os seguidores dEle foram chamados assim pela primeira vez, exatamente porque as pessoas viam que eles eram "diferentes" (cf. Atos 11:26). Eram o Cristo no "aumentativo"!

O que vejo hoje é que muitas pessoas se auto-proclamam de "cristãs", mas usam Jesus apenas como "marketing", como uma espécie de "marca publicitária". Ou seja, parece que ficou "chique" assumir a fé nEle.

Considerar-se um "cristão", mas furar fila de banco; dirigir irresponsavelmente; agir com egoísmo no trabalho ou na família; ter um comportamento durante a semana e outro no dia de ir pra igreja; tratar colegas e amigos com arrogância e falsidade... tudo isso me parece muito hipócrita, e não creio que o Senhor Se alegre com este tipo de "profissão de fé".

Em nossos dias, tem sido muito comum adesivar os carros, publicar no Facebook ou vestir camisetas com "slogans" bonitos e inspiradores, mas me parece que o mundo está mais desejoso (e carente) de ver pessoas que pratiquem e vivam a fé que Jesus ensinou, e isso de forma autêntica.

Quando vejo reportagens sobre o aumento da miséria; sobre a grande quantidade de crianças abandonadas nos orfanatos; sobre a robalheira envolvendo políticos que usam a "máscara" de cristãos... me pergunto: para quê serve, de fato, a religião? Apenas para "acalmar a consciência" em momentos de luto, por exemplo no "Dia de Finados"... ou é algo mais?!

O que Jesus ensinou foi exatamente este "algo mais": uma vida abundante, próspera (mas não como os mercenários da fé televisiva pregam hoje), produtiva, e solidária; e tudo isso com base na graça e na justificação pela fé nEle, e não como "meio" de se conseguir favores divinos, como algumas correntes religiosas pregam.

(...)

Fui para o trabalho, pensando no meu "irmão barbeiro"...

Antes de cruzar a esquina, outra cena de imprudência se desenrolou na minha frente, e o carro era dirigido por alguém que dizia (em um adesivo): JESUS TE AMA E EU TAMBÉM.

A primeira parte eu creio sinceramente.... mas a segunda... fiquei em dúvida.

"mantendo exemplar o vosso procedimento no meio dos gentios, para que, naquilo que falam contra vós outros como de malfeitores, observando-vos em vossas boas obras, glorifiquem a Deus no dia da visitação" (1Ped. 2:12).

Seja o "algo mais".
O mundo precisa disso!

4 comentários:

Anônimo disse...

Pastor Gilson tenho dúvidas sobre o quarto mandamento e queria esclarecer,mas o que me intriga é pensar que o senhor consegue cumprir com os "DEZ" mandamentos isso é impossível para nós uma vez que se fosse possível DEUS não teria enviado seu filho para morrer por mim e por você.

Andrade da Silva disse...

Jesus não quer apenas ser um adesivo. Ele quer transformar a nossa vida e morar no nosso coração. Vamos deixar Jesus diáriamente e vinte e quatro horas por dia morar em nosso coração? Vamos deixar o Seu sangue nos transformar e nos purificar de todo o pecado? Que o sangue de Jesus, não tenha sido derramado por nós em vão.

Gilson Medeiros disse...

Prezado "anônimo", não entra na minha cabeça essa história de que Deus criou algo IMPOSSÍVEL para ser cumprido por nós. Afinal, quem escreveu os 10 mandamentos? Moisés? Abraão? Pedro? Paulo? Ellen White?

Não... mil vezes não!

Êxodo 31:18 é claro em dizer que os 10 mandamentos saíram das mãos do próprio Deus. Aleluia!

Dizer que é impossível cumprir os mandamentos chega a ser uma blasfêmia para com o Senhor.

É claro que não podemos, como seres carnais e pecaminosos, chegarmos à perfeição da obediência. Mas daí a dizer que é impossível ser guardar os 10 mandamentos... é algo muito diferente.

Estude melhor a Bíblia, se você realmente deseja viver pela fé em Cristo... e não no achismo!

Um abraço.
Gilson.

Chacon disse...

Gildon, bom dia, como está? Dá uma olhada neste video. Fiquei de boca aberta. O Edir MAcedo contestando, ou criticando o primeiro milagre de Cristo. Mas isto nao me espantou tanto quanto os milhares de "fiéis" (fiéis a EM nao a Cristo eu creio) que concordaram com ele só porque estavam ali. O ser humano parece que perdeu a capacidade de pensar por sí, de ler, entender e ter sua opiniao, parece que necessitam de um outro ser humano que lhe diga o que fazer. Eu entendo que, ser um mentor, um pastor, alguém qu oriente, mas que dali em diante voce tome suas decisoes e pense, estaria bem, mas concordar com tudo??? Absurdo!!! Edir Macedo deveria estar na cadeia. Os dois primeiros capítulos do livro de Jó nos dá a exata dimensao do poder de Satanás: el tem poder de mudar as coisas, mudar o tempo ou esta classe de coisas, e... mudar o pensamento das pessoas, fazer com que as pessoas facam o que ele quer SE NAO ESTIVER FIRME NA FÉ, como estava Jó. Até sua mulher queria que el amaldicoasse a Deus, ele adorou. Edir Macedo, comandado por Satanás, muda as coisas, dá sua opiniao (que é a opiniao do Diabo) e seus fiéis dizem amém. Um padre, um pastor, um sei lá o que, coloca algo na internet e já vem uma multidao pedir conselhos. O ser humano perdeu (ou talvez nenca tenha tido) a capacidade de pensar por sí, de ler, estudar, e talvez ai, depois de tudo isso pedir uma opiniao, apenas uma opiniao. Por isso o Brasil e o mundo estao como estao. O link está aqui, veja e fique de boca aberta com o absurdo: http://www.youtube.com/watch?v=o_GZM_ug8xk Abraco.

Meu teclado nao tem acentuacao.

Cursos Básico, Médio e Avançado

Ebook 101 Razões