segunda-feira, julho 24, 2017

O melhor presente do papai

Desde o início de agosto, o alvo da publicidade brasileira são os filhos. Afinal, o segundo domingo é o "Dia dos Pais". E um filho que se preze não pode esquecer o presentão "do velho" neste dia... correto?!

Os feras da propaganda querem que nós acreditemos que o melhor que podemos fazer por nossos pais nesta data é dar-lhes uma furadeira de alto impacto... ou talvez um conjunto novinho de ferramentas para o carro... ou ainda uma camisa ou calça novinhas... os mais "abastados" podem pensar em um carrão, um apartamento, uma viagem para o Exterior... 

"Compre algo!".... o importante é não deixar passar a data em branco!!!

Em maio foi a vez das mães. 
Oh, como vimos propagandas tocantes e comoventes sobre o valor e a importância das mães em nossas vidas! 

Em junho foi a vez dos namorados... 
O amor, ah, o amor! 

Depois do próximo dia 13 de agosto será a vez das crianças... e ai daqueles pais e mães (de preferência os dois, pois serão dois presentes) que não comprarem uma boneca, um vídeo game, um tablet, sei lá... 

E em dezembro? 
É a coroação do ano... a data mais importante... para se comprar, comprar e comprar. Se possível "uma lembrancinha" para amigos, parentes, filhos, pais, esposa, etc., etc., etc. O "aniversariante", quem é mesmo?! O papai Noel?!

Esse é o capitalismo, meu caro!


Mas, voltemos ao paizão. 

Só que existem muitos tipos de pais:
os que maltratam
os que batem
os que xingam
os que se drogam
os que matam
os que violentam
os que abandonam
os que desprezam
os que castigam com crueldade
...

e os pais CRISTÃOS... 
os quais acredito serem a maioria dos que vêm até este humilde blog.

E é sobre estes pais que eu gostaria de me deter agora. Mas em especial, falando aos filhos e filhas, também CRISTÃOS.

Se você tem a alegria e a bênção de ter um pai cristão, agradeça diariamente a Deus por isso. Não o faça só no programa de Dia dos País, na Igreja. Seja agradecido(a) pelo pai especial que você tem, e demonstre isso a ele.

Um pai, de verdade, já tem o maior e melhor presente que ele gostaria de ter ganho: VOCÊ. Com todos os teus defeitos e qualidades, você é a grande bênção que o poder criador de Deus concedeu a este também defeituoso homem, chamado de "pai".

Muito mais do que uma "coisa" (furadeira, camisa, sapato, relógio, celular), seu pai espera receber de você aquilo que todo homem anseia receber de sua família:  
respeito, consideração, carinho, compreensão.

A Bíblia é muito clara em mostrar o real papel do pai e da mãe na família. É uma pena que a sociedade atual, com sua pseudo-liberdade feminista (a palavra da moda é "empoderamento"... balela!), tentou (e conseguiu) inverter os papeis bíblicos, e o resultado tem sido uma geração inteira de filhos mal cuidados, confusos e complexados. Sempre que a Bíblia é colocada de lado em nome dessa falsa "evolução" social, a sociedade paga um preço muito alto.

Os pais cristãos procuram viver em conformidade com estes princípios bíblicos, colocando sua família em um plano bem diferente daquele nos quais os pais "do mundo" colocam as suas. O pai cristão não desperdiça seu dinheiro com jogos, carros, bebidas, farras, deixando a família relegada a privações e sofrimentos. Conheço muitos pais que fazem isso, e os filhos e esposa sofrem diariamente por causa desta conduta.

Se seu pai não é assim, agradeça... a Deus e a ele.

- Demonstre ao seu pai que ele é um homem admirado no seio da família. 
- Deixe que ele saiba que você o ama, o respeita e o compreende em suas debilidades e fraquezas. 

Nós, homens (e pais), temos muita dificuldade para expressar sentimentos e admitir fragilidades... mas vou contar um segredo: NÓS AS TEMOS... E MUUUUUUUUITO!

No próximo dia dos pais, se você puder comprar um presente, compre! Mas tenha certeza que seu pai se sentirá muito mais feliz se você chegar junto dele, der um caloroso abraço e disser em seu ouvido:

- Muito obrigado por você ser o meu pai. Eu sei o quanto você se sacrifica para me dar uma boa condição de vida, e para manter nossa família protegida e amparada. Sei que, muitas vezes, você se nega algum prazer pessoal para que eu, meus irmãos e minha mãe tenhamos uma vida mais sossegada e feliz. Obrigado, pai! Eu te amo,  respeito e admiro você por isso!

Se seu pai for chorão (como o de Iris e Amarilis...rsrs), ele não resistirá à esta demonstração de amor... e nem vai se importar com (ou se) aquilo que você comprou para ele.

Não é à toa que a Bíblia chama Deus de "nosso Pai".

Ser pai é a máxima expressão da grandeza humana, pois isso assemelha mais ainda o homem a Deus, o Grande Pai.

A vida passa... e passa rápido.

Não deixe para dizer ao seu pai aquilo que ele gostaria de ouvir, apenas quando os ouvidos dele já estiverem fechados, para sempre, em um leito de morte.

Diga hoje, ele precisa (e gostará) de ouvir.

"Pai nosso, que estás no Céu..."

Um comentário:

A.K.Renovatto disse...

Excelente o texto. O maior presente de um pai é a felicidade e o bem-estar dos filhos. Pais de verdade, se realizam e se alegram com cada conquista e vitória de seus filhos. O maior presente que um filho pode dar a seu pai é a convivência. Gostei muito do texto, tudo que é relacionado à família, eu aprecio. Na atualidade tantos valores estão se perdendo, tudo colabora para prejudicar a família, pode reparar. A mídia tenta manipular as pessoas com uma "roupagem" de que tudo é bom e moderno. Sou meio "pé atrás" com certas modernidades rsrs Não abro mão de certas práticas tradicionais. É uma pena que muitos filhos só demonstram suas emoções, sentimentos, quando o pai morre. E há também pais frios, pais que não perdoam filhos, pais que não sabem amar seus filhos. Em vida é que devemos valorizar quem amamos. Achei o texto bonito, e conseguiu transmitir o que eu também penso sobre o assunto. Que Deus, nosso Pai possa fortalecer os laços de amor e amizade entre pais e filhos. Parabéns pelo texto!

Cursos Básico, Médio e Avançado

Ebook 101 Razões