segunda-feira, novembro 24, 2014

Por que Estudar a Lição da Esc. Sabatina?

Um sábado desses eu estava em uma Unidade de Escola Sabatina, em determinada igreja aqui de Natal, e apenas 3 pessoas na Classe possuíam e haviam estudado a Lição da Semana, apesar de o grupo ser formado por umas 15 pessoas. É uma pena, pois a lição é preparada por grandes estudiosos. Mas são poucos os que parecem se preocupar com seu crescimento intelectual na doutrina, apesar de conhecê-la bem ser considerado importante fator para a salvação (cf. Efés. 4:14; 1Tim. 4:16; 1Ped. 3:15; 2João 1:9)

A consequência disso foi que temas tão interessantes, empolgantes, desafiadores e importantes (como: Trindade, encarnação de Cristo, Santuário, Romanos, Gálatas, epístolas de João, carta de Tiago, etc.) dão lugar a comentários vazios, pseudo-polêmicos e secundários, feitos exatamente pelos que adoram usar o "teologuês" na hora do estudo da Lição, porque não se dão ao trabalho de estudá-la durante a semana.

Houve um dos que estavam visitando a Classe na ocasião que aproveitou para apresentar seus "conhecimentos" sobre o grego bíblico de João 1:1-3, tomando grande parte do tempo da Lição, e sem contribuir com praticamente nada para a compreensão do tema estudado.

Certa vez eu fiz aqui um comentário sobre a grande importância que eu atribuo ao estudo sistemático da Lição da Escola Sabatina, bem como à leitura mensal da excelente Revista Adventista (veja aqui). Situações como a que presenciei na igreja citada no início só reforçam minha convicção de que a igreja não está mais perecendo por falta de conhecimento, por culpa dos "sacerdotes", como na época de Oséias. A culpa é totalmente nossa, dos membros, que não aproveitamos a alimentação consistente e sadia que nos é oferecida pela Instituição a qual nos associamos.

A Igreja é tão preocupada com o livre-acesso ao material da Lição, que disponibiliza gratuitamente o conteúdo semanal na Internet, para aqueles que preferem não adquirir o material impresso, apesar do irrisório valor cobrado, em comparação com o grande benefício proporcionado pelo estudo da Lição da Escola Sabatina.

Nenhuma outra denominação mundial faz isso pelos seus membros!

6 comentários:

Thiago Falcão disse...

Olá, Pr. Gilson!

Achei relevante o seu post sobre o estudo da lição. Eu me sinto incomodado ao não estudar a lição! Eu a recebo por e-mail mas não tenho a oportunidade de imprimir. Até tem uma gráfica que faz impressão a laser por R$0,10 aqui mas por várias vezes me vi sem um tostão para isso. Fico triste ao ver que pessoas que tem a lição em mãos a deixam em branco e sequer a lêem!!! Eu mesmo, por conta de não ter a lição, já deixei de a estudar... E que FALTA FAZ!

Seria interessante que as pessoas parassem para pensar nisso. A lição da Escola Sabatina é algo tão maravilhoso!

Obrigado, Pastor, pelo post!

Rodrigo disse...

Olha Gilson,

Mesmo que a Igreja ofereça a lição gratuitamente, dando de brinde um livro do Espírito de Profecia, um DVD e um CD, muitos ainda arrumarão desculpas para não estudar a lição.

É uma pena que no momento no qual a Igreja esta recebendo por todas as partes os ventos das falsas doutrinas, um momento de sacudidura, os irmãos estejam tão alheiros e anestesiados quanto ao estudo. Parece que não se lembram que os enganos dos últimos dias serão tão grandes e estupendos, que poderão enganar até os escolhidos!!!

Infelizmente, muitos serão soprados da peneira por não ter nenhum valor...

Ainda dá tempo, a porta da graça ainda não se fechou, a mensagem da Testemunha Fiel ainda esta valendo...

Que o Altíssimo tenha misericórdia de suas "ovelhas rebeldes"...



"A graça do Senhor Jesus Cristo, e o amor de Deus, e a comunhão do Espírito Santo estejam com todos vós"

Prof. Gilson Medeiros disse...

Realmente, Thiago, quando a pessoa não quer não há como obrigá-la.
Lá na Bahia houve um Campo que fez uma promoção da Lição a R$ 1,00, e nem por isso todos os irmãos adquiriram.
Concordo com vc com o fato de que é uma tremenda falta de bom senso em ter a Lição e não estudá-la devidamente.
Falta de tempo não é o problema, porque quando a gente quer arranja tempo para qualquer coisa.
O que eu e você podemos fazer é A NOSSA PARTE, e ajudar outros a fazerem a deles também.
Um abraço.

Prof. Gilson Medeiros disse...

Caro Rodrigo, vc tem toda razão!
Em uma postagem há alguns meses eu mostrei como a grande maioria das heresias que estão penetrando em nossas igrejas foi combatida de forma profunda e brilhante através das Lições de Escola Sabatina e da Revista Adventista.
É uma pena que muitos prefiram permanecer no "estado" de Laodicéia ("não preciso de nada!"), e não se dêem conta de que não podemos fugir do "período" (pois é profético), mas TEMOS SIM que sair deste estado laodiceano.
Um abraço.

Anônimo disse...

Creio que o problema é historico.
Depois de um estudo que fiz sobre as sete igrejas do apocalipse e no contexto do Espirito de profecias, CONCLUÍ, que este problema se chama
OCIOSIDADE!
qUEM QUISER O MEU HUMILDE ESTUDO PODE ME MANDAR UM EMAIL E EU LHE ENVIAREI...
cLIFBULTON@HOTMAIL.COM

irmão leitor disse...

Não somos dados a fazer pesquisas, registrar dados e fatos, a estatísticas.
Se o nº de membros e templos cresce e Associações se estabelecem, por que "achamos" que menos pessoas estudam a Lição?

Penso que o Gilson deva continuar a abordar vários temas, como tem feito, mas apelo ao amigo que continue a dar ênfase nesse, mesmo que com outros títulos. Se mais irmãos se manifestarem, soluções encontraremos, se não em âmbito institucional, pelo menos individual e familiar.

Tudo isso em nome da saúde espiritual de nossa irmandade!!!

Cursos Básico, Médio e Avançado

Ebook 101 Razões