terça-feira, maio 17, 2011

Saiu o decreto dominical!

É impressionante como o tema da escatologia (estudos dos eventos finais) tem uma influência tão forte sobre os Adventistas. Talvez você tenha vindo até aqui apenas porque o título da postagem chamou sua atenção. Fiz isso de propósito... rsrs Me perdoe...rsrs

É muito bom estudar profecia, e assim nos prepararmos para os eventos que estão à nossa frente. Mas não podemos cair no fanatismo e ficarmos no alvo de gozações, ou dar margens ao descrédito popular... Vou citar um exemplo:

Em maio de 2004 chegou à minha mão um panfleto que trazia uma mensagem URGENTE. Ele dizia que as datas da saída do decreto dominical (25/09/2004) e do fechamento da porta da graça (19/04/2008) haviam sido calculadas, sendo que a primeira ocorreria poucos meses depois da distribuição do panfleto.
O objetivo final do panfleto parecia ser a divulgação do livro que o autor havia escrito com as informações referentes à sua pesquisa, a qual resultou nas datas citadas.

Bem...

Já estamos em 2011 e o tal "decreto" não saiu. O que dizer, então, do fechamento da porta da graça, também "prevista"? Você foi um dos que comprou o tal "livro"?

Casos como esse nos mostram como nós, Adventistas, podemos cair facilmente nesta armadilha de tentar interpretar as passagens bíblicas de uma maneira que as Escrituras desautorizam.

"A pregação de um tempo definido para o juízo, na proclamação da primeira mensagem, foi ordenada por Deus. O cômputo dos períodos proféticos nos quais se baseava aquela mensagem, localizando o final dos 2.300 dias no outono de 1844, paira acima de qualquer contestação. Os repetidos esforços por encontrar novas datas para o começo e fim dos períodos proféticos, e o raciocínio falaz que era necessário para apoiar este modo de ver, não somente transviaram da verdade presente os espíritos, mas lançaram o opróbrio sobre todos os esforços para se explicarem as profecias. Quanto mais freqüentemente se marcar um tempo definido para o segundo advento, e mais amplamente for ele ensinado, tanto mais se satisfazem os propósitos de Satanás. Depois que se passa o tempo, ele provoca o ridículo e o desdém aos seus defensores, lançando assim o opróbrio sobre o grande movimento adventista de 1843 e 1844. Os que persistem neste erro, fixarão finalmente uma data para a vinda de Cristo num futuro demasiado longínquo. Serão levados, assim, a descansar em falsa segurança, e muitos se desenganarão tarde demais" - Ellen White, O Grande Conflito, p. 457.

De vez em quando surgem pessoas com idéias fantasiosas como a citada no início desta postagem, e sem embasamento profundo na Palavra de Deus. E o pior é que ainda encontram quem lhes dê crédito. Muitos sermões de sábado estão tendo como base estas teorias equivocadas. Isso tem ocorrido em sua igreja local? Cuidado!

- Faz algum tempo, surgiu o ensino sobre os 7 reis. Quando o papa João Paulo II morreu houve até quem dissesse que tudo era uma farsa, ou que ele "ressuscitaria", pois a teoria do 8º rei tinha que ser cumprida com ele.
- Já vi também alguns questionarem os códigos de barras, os cartões de crédito do Bradesco, etc.
- Há alguns dias uma notícia passeou pelo e-mail de muitos Adventistas, com a descoberta de um "chip" de computador que seria implantado sob a pele (mondex). E o mais "interessante" é que os cientistas diziam que o tal chip só podia ser implantado na mão (direita) ou na testa. Vale tudo para "forjar" uma boa ilustração para o sermão de sábado! rs.

Vamos dedicar tempo ao estudo da Palavra de Deus naquilo que nos foi revelado (você já parou para estudar o livro de Romanos, por exemplo?), e deixar os eventos futuros (com suas datas e expectativas) para o "amanhã".

Não precisamos de fatos espetaculares ou teorias fantasiosas sobre as profecias, para podermos nos aproximar mais do Senhor. Um estudo sincero e humilde da Bíblia nos revelará um Deus de bondade e amor, muito mais importante e seguro do que estas interpretações equivocadas dos escatólogos de plantão.

"Far-nos-ia bem passar diariamente uma hora a refletir sobre a vida de Jesus. Deveremos tomá-la ponto por ponto, e deixar que a imaginação se apodere de cada cena, especialmente as finais. Ao meditar assim em Seu grande sacrifício por nós, nossa confiança nEle será mais constante, nosso amor vivificado, e seremos mais profundamente imbuídos de Seu espírito. Se queremos ser salvos afinal, teremos de aprender ao pé da cruz a lição de arrependimento e humilhação" - O Desejado de Todas as Nações, p. 83.

Não estou desprezando o estudo das profecias. Mas defendo que não devemos ultrapassar os limites que o Senhor determinou sobre alguns assuntos... E a marcação de datas é um deles.

PS.: Clique
aqui e veja o que o Pr. Erton respondeu para um jovem que perguntou-lhe sobre estes boatos acerca da saída do decreto dominical. Você vai precisar cadastar seu e-mail e uma senha, para poder visualizar o arquivo da Revista Adventista.

66 comentários:

pepita barros disse...

Pastor,Deus o abençoe ricamente por seus comentários a respeito do decreto dominical, realmente nos assustamso em ver quanta asneira chega aos nossos ouvidos e nos deixa sem certeza ou mesmo sem veracidade sobre o tempo que vivemos.
Temos sim que nos preparar p irmos p o céu e nem por isso deixaremos de está atentos,mas nada que nos enlouqueça e nos torne fanáticos pelo assunto que é tão sério quanto real.

LUIS disse...

Prezados irmãos, Todas estas questões do decreto dominical deixam muito em que pensar... só me lembra a historia do Pedrinho e do lobo mau...tantas vezes o pedrinho dizia "vem ai o lobo, que na altura que realmente veio o lobo niguem acreditou" o mesmo pode aontecer conosco tantas coisas são faladas, anunciadas..necessitamos de estar firmes para conseguir filtra o que e verdade ou o que é feito para cair num habito... "vigiai e orai, todos os dias" só assim poderemos ter a certeza... que Deus nos abençoe e de força para os tempos que vamos atravessar.

laháynne disse...

muito bom mesmo o artigo sobre decreto dominical...

queria pedir autorização para postá- lo também no meu blog, com as devidas citaçoes de direitos autorais...

espero que vc autorize! rsrs

grande abraço e bençãos de Deus pra vc!

Wilson Caramel disse...

Acho que comentários como esse devem ser constantes em nossos sites. Infelizmente nossos púlpitos por muitas vêzes são usados com objetivo de colocar medo, onde pregadores, e até mesmo pastores, citam situações equivocadas , porque apenas ouviram falar.
Precisamos nos concentrar na realidade, e jamais deixarmos que os irmãos sejam iludidos com previsões inconcretas. A verdade deve ser dita, mas através da inspiração real e verdadeira das escrituras sagradas.

wilsoncaramel@hotmail.com

joão william disse...

ola pastor
meu nome é william sou de vitória da conquista na bahia e gostaria de lhe parabenizar pelo belissimo trabalho desenvolvido em seu blog

ao ler sobre os adeptos do teologues e tambem sobre este "calculo" do decreto dominical, concordo plenamente com suas opiniões.

gostaria que o senhor me falasse sobre um documento que esta circulando pela net ja a algum tempo provocado inquietação em varios lugares ( principalmente goiania , onde fizeram até vigilias nos dias que atecederam a data de 17 de abril de 2008. segundo este documento, haveria reunioes secretas em 2007 para montar um estratagema de formaalcanlçar a imposição do decreto dominical de forma a "pegar" de surpresa ã todos, a data de 17 de abril de 2008 seria nada mais nada menos do que um encontro do papa com o presidente americano onde um dos temas seria a proteção ao "dia do senhor"
creio que o senhor ja deve ter conhecimento sobre o documento mas ainda assim segue o link para leitura

http://www.4shared.com/file/50474580/71dbcda3/decreto_dominical.html?dirPwdVerified=bafb652f

muitas criticas surgiram em torno desse documneto intitulado-o de sensacionalista
gostaria de saber sua opinião
devemos dar credito ao documento ? ou é apenas mais um teologues

minas.brindes@hotmail.com
j.william.silva@gmail.com

que Deus o abençoe

Luciano Rabelo disse...

Olá Pastor
Sou Luciano Rabelo de Barra - Bahia, quero lhe parabenizar pelo belo trabalho, seus comentários são muito bons, fica claro a ignorância de algumas pessoas que procuram somente um meio de distorcer a verdade dos fatos.
Estou inteiramente de acordo com você, "não devemos nos preoculpar com o dia de amanhã o amanhã pertence a Deus" devemos estudar as profecias para estarmos inteirados dos eventos e não desesperados. Devemos deixar as coisas acontecerem e preoculparmos somente com nossa consagração e comunhão com Deus.
Deus te abençõe, que você continue sendo uma luz em meio a escuridão desse mundo.

Antonio Enzo Matiolli disse...

Bom,lí esse comentário do pastor e outros que estão postos aí,olha,se vem ou não esse decreto dominical,claro que acredito que vem,devemos viver o agora como Cristo voltasse hoje mesmo,o amanhã só pertence á Deus,sempre que dou estudos bíblicos menciono a volta de Cristo e a sua justiça e as demais coisas serão acrescentadas,mas tenho acompanhado tudo o que sai no mundo das notícias e vou comparando com as profecias,acho que seria isso que nós Cristãos ADSD devemos fazer,mas gostei dos comentários!!
Abraços e que Deus abençôe á todos

Dhayanna disse...

pastor quando sair o decreto do minical, a porta da graça ja estara fechada?

Prof. Gilson Medeiros disse...

Oi, Dhayanna.

Segundo a profecia, a porta da graça ainda estará aberto por ocasião do decreto dominical. Apenas quando este decreto se converter em "decreto de morte" é que a escolha de cada um será selada para sempre, e não haverá mais chance de salvação para os que rejeitarem as mensagens dos 3 anjos.

Um abraço.

Alexandre Mendes disse...

Pastor, boa noite. Meu nome é Alexandre Mendes Dias e estou querendo aplicar a minha vida os ensinamentos de Deus e Jesus. Tenho estudo o DVD o Grande Conflito apresentado pelo pastor Luis Gonçalves. Muito bom !!
E tb gostaria de saber mais sobre o tema Decreto Dominical que está muito em voga atualmente , tomei conhecimento do teu site. Gostei muito!!

Ao ler a tua resposta ao XXX de 19 anos sobre Mateus 5:17 e Lucas 16:16 , gostaria de saber mais sobre o que significa a passagem de Efésios 2:15 e aquela passagem em que Jesus fala sobre os dois mandamentos de Amar a Deus sobre todas as coisas e o próximo como nós mesmos. Sobre o último como podemos contextualizar isso ao debatermos isso com as pessoas que nos questionam ou que querem realmente de coração saber mais sobre esses ensinamentos,pois muitos que não conhecem a fundo o tema dizem que Jesus resumiu o mandamentos em 2.

E para finalizar , gostaria de comentar a Edição da Super Interessante (Edição 259 -Dez/2008) que estampa em sua capa que a Bíblia não foi escrita por Deus e sim por homens que manipularam a Verdade. O que gostaria é de saber onde conseguimos no Brasil acessar as versões em hebraico,aramaico do VT e em grego do NT?Como podemos debater a estas notícias sensacionalistas de forma coerente entendendo que as traduções , impressões , cópias que chegam até nós são realmente fiéis a originais. Peço estas informações não com sentido de questionamento mas sim de embasamento. A versão mais comumente usada de João Ferreira de Almeida é fiel a estes originais ? Pergunto pelo fato de ler nesta referida revista que Martinho Lutero traduziu a bíblia protestante no século de 16.Ele foi fiel aos originais?

Gostaria de receber um retorno do senhor assim que possível e que Deus abençoe os teus ensinamentos a todos.

Abraço
Alexandre

Prof. Gilson Medeiros disse...

Olá, caro Alexandre.

1. Efésios 2:15
Veja que o contexto da passagem fala da circuncisão (v. 11). O termo grego que Paulo usou para "mandamentos" é ENTOLE, o mesmo que ele usou em 1Cor. 7:9.
Portanto, vemos que o que estava em jogo não eram os 10 Mandamentos - a Lei Moral - mas sim as "ordenanças" judaicas das leis cerimoniais (cf. Lev. 23), das quais os novos crentes em Cristo estavam livres, como é o caso da circuncisão.

2. Nunca se deve isolar um texto bíblico e criar pretextos em cima dele. Vejamos...
"Respondeu-lhe Jesus: Amarás o Senhor, teu Deus, de todo o teu coração, de toda a tua alma e de todo o teu entendimento. Este é o grande e primeiro
mandamento. O segundo, semelhante a este, é: Amarás o teu próximo como a ti mesmo. Destes dois mandamentos dependem toda a Lei e os Profetas" (Mateus 22:37-40).

Observe que Jesus não "resumiu" os 10 mandamentos no sentido de desprezá-los e crias NOVOS. O texto é muito claro: "Destes dois mandamentos DEPENDEM...". Vê?
Os 2 mandamentos não são NOVOS mandamentos, mas apenas uma simplificação, se podemos assim dizer, da Lei de Deus. Dizer que com esta passagem Jesus aboliu os 10 mandamentos, é usar uma argumentação que não se sustenta pelo texto bíblico.
Ora, como expressamos estes "amor de todo coração"? Como amamos ao próximo "como a nós mesmos"?
A Lei Moral já responde estas perguntas, pois os 4 primeiros mandamentos nos mostram exatamente COMO amar a Deus de todo coração, e os outros 6 mandamentos também nos mostram COMO demonstramos que amamos ao nosso próximo como a nós mesmos.

Foi isso que Jesus fez: explicou como o amor está presente na lei.

Amparar-se nisso para não guardar a Lei (mas o que eles não querem guardar mesmo é o sábado...) é uma tremenda cegueira em relação à revelação do Espírito Santo.

3. Sugiro que vc pesquise sobre as descobertas do Mar Morto (os achados de Qumram), ocorridos na década de 1940, pois eles "calaram a boca" dos que questionavam a autenticadade das cópias modernas da Bíblia, uma vez que comprovaram que em quase 2000 anos de transmissão de cópias, MENOS DE 0,5% DO TEXTO SOFREU ALTERAÇÃO, em nenhuma dela de forma a modificar a mensagem central da Bíblia - o plano da Redenção.

O que a Superinteressante quer é vender revista, e muitos caem na armadilha! Até professos cristãos!

sasimoes disse...

Pastor Gilson, prazer, meu nome é Jorge Luiz sou membro da IASD de Pedra de Guaratiba na Região Oeste do Rio de Janeiro, achei super inteligente a maneira de como o Sr. está chamando a atenção de alguns irmãos para o seu blog, é a primeira resposta que aparece no Google, quando se faz uma pesquisa sobre Decreto Dominical, e o Sr. deixou bem claro a resposta pra uma meia dúzia de irmãos "fanáticos", ou "lunáticos" não sei se seria bem esse termo, pois querem de qualquer maneira pregar nesses últimos dias aqui no Rio, que o Decreto Dominical já chegou, a Bíblia fala "Que meu povo perece por falta de conhecimento..." E nos últimos acontecimentos na India, onde Cristãos estão sendo perseguidos, e quando digo Cristãos falo de um modo geral, não só de Adventistas, como muitos já estão pregando em algumas Igrejas por aqui, eu acredito que cabe à nós, o Sr. me permita me incluir neste meio, pois sempre tive uma profunda vontade e admiração em estudar profecias, como as de Daniel e Apocalipse, debatermos e expor a muitos irmãos que não tem ainda o dom de estudar profecias, a verdade sobre elas, para que não aconteça o mesmo que aconteceu no passado. Adorei o seu blog e vou divulgá-lo em minha Igreja se o Sr me permite. Gostaria se possível que o Sr escrevesse algumas linhas sobre todo esse problema religioso que vem ocorrendo na India, neste final de ano, serviria até como alerta para alguns irmãos que não tem o menor trabalho de antes de ir ao pùlpito pregar sobre uma determinada questão, que desse uma estudada antes, e pesquisasse mais sobre o assunto no qual ele irá pregar. Agradeço humildemente sua atenção, Abraços seu irmão em Cristo, Jorge Luiz...

Prof. Gilson Medeiros disse...

Caro irmão Jorge Luiz, fico imensamente feliz em saber que minha reflexões aqui no blog estão encontrando eco em pessoas equilibradas e que se dedicam ao estudo sincero e coerente das profecias bíblicas. É mesmo uma pena que muitos de nossos irmãos, até ingenuamente, estejam pregando de uma forma que venha a trazer descréditos e escárnios sobre uma mensagem tão bela e biblicamente embasada como é a mensagem Adventista.
Obrigado pela sugestão, e vou trabalhar em algo para postar nos próximos dias.

Desejo uma ótima semana aos diletos irmãos e irmãs de Pedra de Guaratiba.

Que o Senhor os abençoe e os guarde.

Anônimo disse...

irmão... realmente sairá o decreto dominical no mundo todo... ?

Prof. Gilson Medeiros disse...

Caro "Anônimo", é isso o que dizem as profecias divinamente inspiradas.

Lembrando que o processo se inicia nos Estados Unidos.

Sugiro que vc leia o livro "O Grande Conflito", de Ellen White, e se aprofunde melhor sobre este importante assunto.

wendell disse...

Bom, eu tenho 16 anos, eu sei q nos livros q vem falando sobre os eventos finais nenhum deles fala data exta, e sim como ocorreria esse eventos....
tanto q podemos achar q o mundo entraria em crise (financeira e ambiental).
esse livros vem falando como acontecera em alguns estados dos EUA ja tem a lei para todoas quardarem o Domingo, o Livro Grande Comflito escrito pela autora Ellen White, pode ser encontrado que o decreto Dominical começara nos EUA.
O Papa dara o decreto, e os EUA acatara, e mas tardar outros paises do mundo tbm vao acatar esse dedreto. Hoje dia 04/02 passou no Jornal da Globo q o papa quer que todos se unam pra ter paz no mundo...
ai podemos ver q logo sera feito esse decreto...
entao pra qm escreveu esse blog posso lhe diser q o dia exato do decreto nao ah e muito menos qndo Deus ira Voltar.
mas nos podemos ver Nos livros d profecias q esses dias estao chegando pelos envento em q esta acontecendo no MUNDO.
Se alguem tiver alguma curiosidade pode me mandar email, posso lhe fornecerem livro como o Grande Comflito e Estudos Biblico como posso mandar Tudo contado sobre esses eventos!
Caso Alguem queira entrar em contato podem mandar Email para: wendellgz@hotmail.com

Prof. Gilson Medeiros disse...

Caro wendell, obrigado pelo comentário.

Quem desejar receber mais material sobre o assunto, entre em contato com ele.

jeferson disse...

acerca da lei dominical, o que eu entendo é que esse decreto sera imposto pelos politicos norte-americanos influenciados pela cristandade apostata desse país. entao vejo que tal lei nao devera sair de roma(papado). entao a nossa atençao deve estar voltada mais para as atuais tendencias ecumenicas nos EUA. alguns adventistas dissem que as leis dominicais que estao saindo em alguns paises( chile, argentina, croacia e mesmo algumas tentativas aqui no Brasil), nao sao fatos para se preocupar, pois a lei dominical devera sair primeiro nos EUA. esse pensamento é um pouco perigoso pois mostra a falta de preocupaçao com o significado desses acontecimentos. essas leis mostram que o que EGW escreveu em O Grande Conflito tem validade para o tempo de hoje e que Deus de alguma maneira esta nos alertando para a aproximaçao desse decreto.alem disso no grande conflito lemos que "e mesmo na livre América do Norte, governantes e legisladores, a fim de conseguir o favor
do público, cederão ao pedido popular de uma lei que imponha a observância do domingo".GC Pg.592. Assim entendo que "mesmo" na america livre mostra que tai leis seriam uma tendencia mundial antes do decreto nos EUA.

Anônimo disse...

Pastor, acredito que já tenha recebido esta mensagem
http://blog.cancaonova.com/dominusvobiscum/2009/02/27/11827/

Prof. Gilson Medeiros disse...

Caro "Anônimo", obrigado pela colaboração.

Notícias como essa só servem para "calar a boca" daqueles que gostam de criticar os Adventistas, mas nunca param para estudar se nossa doutrina é ou não fundamentada na Bíblia e na História.

Uma vez que esta notícia é de um blog da própria Canção Nova, acho que não resta dúvidas sobre a intenção de Roma sobre o domingo.

Quem viver, verá!

tw100% disse...

pastor sou tawana,tenho 15 anos e moro em belém (pará)estou afastada da igreja.
se caso deus voutase agora,será q eu partiria com ele?
assim p/ falar a verdade o problema e q tenho medo do decreto!antes quando sai da igreja,minhas primas falavam q o decreto já estava aqui só p/me amedrontar,devo me preucupar?????ass:tawana

Prof. Gilson Medeiros disse...

Prezada Tawana, não cabe a mim dizer quem se salvará ou não. O que eu sei, com toda certeza, é que as profecias estão se cumprindo rapidamente, e a do decreto dominical já está se encaminhando para um desfecho.

Recentemente, a comunidade europeia discutiu a possibilidade de "restaurar" a santidade do domingo, fazendo com que as pessoas se voltem mais para a guarda e respeito por este dia.

Mas, no fundo, acho que seu problema é uma compreensão errada sobre a salvação e sobre o papel das profecias em nossa vida. Se vc não tem o desejo de fazer parte da família de Deus aqui nesta Terra, então como se sentirá feliz na Nova Terra?

Pense nisso!

Ciro disse...

O problema nao é o decreto...
e sim a imagem da besta formada!
Elias.

prycilla disse...

"jessus vem sem demora...
quando o decreto do minical for aprovado no brazil ai sera a hora de mostrar nossa fé"

Anônimo disse...

Olá Pr, estou com grandes dúvidas sobre o fanatismo. Na verdade não estou sabendo diferenciar o que é fanatismo, do que não é o certo de se fazer.
Na minha igreja, vejo muitas pessoas que criticam o próprio irmão da igreja, e criticam as atitudes de todos, as roupas, o batom, as mulheres que usam calça e dizem que o mundanismo está entrando na igreja. Tratam os outros como pecadores, como inferiores... Não que eu seja a favor do liberalismo, mas gostaria de saber até que ponto é certo fazer esses tipos de comentários. As vezes fico com receio, pois penso que estou sendo liberal demais, mas ai vem umas pessoas dizendo que não posso ser fanática. Não sei o que fazer Pr. Essa semana, eu fiz uma coisa e não sei se foi certa, e fiquei chateada pois acho que magoei o irmão. Ele estava falando que a irmã da igreja estava usando batom, e eu falei com ele q ele não deveria estar criticando a irmã, pois fazendo isso ele tbm está pecando. Como devemos nos portar diante dessas situações? Eu estou sendo liberal demais, ou alguns membros estão sendo fanáticos? O mundanismo está mesmo entrando na igreja? Isso é profético? coisas que a igreja pregava antigamente, como nenhum uso de maquiagem, nem calça jeans, ainda valem ou mudaram? Muito obrigado pr, um forte abraço!

Prof. Gilson Medeiros disse...

Cara "Anônima", vou procurar ser bem prático nas respostas às suas dúvidas.

1. Acho que o que seus irmãos estão praticando, na verdade, é "legalismo", ou seja, achar que a salvação tem que ver com o que fazemos ou deixamos de fazer. Os fariseus era que ensinam isso. O problema está em eu me considerar melhor que o outro, pois não pratico o que ele pratica (maquiagem, adultério, roubo, etc.), mas faço outros erros tão ofensivos a Deus, mas "esqueço" disso.

2. Ser liberal é achar que Deus não leva em conta nossa vida, e vai salvar todo mundo de qualquer jeito. Este é o outro extremo, também errado!

3. Criticar um irmão, sem ele estar presente, além de pecado é anti-ético. Portanto, creio que vc fez bem em repreender o "santarrão" quando ele estava criticando outra pessoa. Não se una aos críticos... eles sempre têm um "podre" escondido.

4. Tudo que era válido, como princípio, no passado ainda é válido hoje. O fato de alguns não darem ouvidos às orientações de Deus, seja na Bíblia ou no Espírito de Profecia, não quer dizer que tais princípios perderam o valor. Seja fiel à sua fé e à Palavra de Deus, e não se importe se outros preferirem viver na desobediência.

Aqui no blog vc encontrará muitos textos sobre "legalismo", "salvação", "santificação", "vaidade", etc., que te ajudarão a se aprofundar nestes assuntos.

Um abraço.

William Salasier disse...

oi gostaria de saber se vai demorar muito para sair o decreto dominicale se já houve o cessar fogo no 4 cantos do mundo como diz na bíblia e se o sinais da besta já começaram.Um abraço

Prof. Gilson Medeiros disse...

Prezado William, o cenário político-religioso mundial está mostrando que tudo caminha para um breve "entendimento" ecumênico em busca da paz e da harmonia do planeta. Este será o "embrião" para o surgimento do decreto. Devemos continuar observando e estudando as profecias para identificarmos quando tudo estiver de fato começando.

Quanto ao "cessar fogo no 4 cantos do mundo", ou os "sinais da besta", ainda não recebemos revelação suficiente sobre este assunto.

Um abraço.

Anônimo disse...

Aprendi muito

Anônimo disse...

Pr. o senhor acredita na vitória sobre o pecado? De que é possível viver sem pecar, aqui nesta terra, antes da segunda vinda de cristo?

Luiz Pedro Andrade da Silva disse...

Irmão Gilson e demais irmãos e amigos,que a paz do Senhor esteja com todos vós.
Os atuais decretos dominicais,como o aprovado recentemente na Alemanha,são decretos dominicais moderado,que o nosso bom Deus está usando para nos dar um leve toque em nossos ombros e dizer-nos,que Jesus está prestes a voltar e que nossa missão, está com anos de atrazo e que com urgencia precisamos nos acordar e sair da mornidão,sair de cima do muro e no poder do Espírito Santo,sairmos pelo mundo inteiro e pregarmos urgentemente as tres mensagens angélicas.Logo o decreto dominical será pra valer e a porta da graça se fechará e as pragas derramadas serão,esperaremos sermos pesados nabalança e achados em falta?Chega de desculpas vamos nos consagrar a Deus a nos preparar para a segunda vinda de Jesus.Que Deus abençoe sua igreja e que o Seu Espírito conceda-nos poder e discernimentos do Céu.Amém.Saudações critãs de:Luiz Pedro Andrade da Silva.R:Teotônia,293-Zona Norte-98280-000-Panambi-RS-Brasil.luizpedro@advir.com

JAMILE disse...

OI!
gOSTARIA DE SABER AS ULTIMAS NOTICIAS DO DECRETO DOMINICAL? E QUANDO MAS OU MENOS VAI SAIR?

luizpedro disse...

Amado irmão em Cristo e pastor,permita-lhe fazer mais um comentário,acerca do decreto dominical,o Espírito de Deus está me impelindo a faze-lo e quando Deus manda é preciso obedecer e que aconteça a vontade de Deus.
Os decretos atuais são um leve toque que o Senhor está dando no nosso ombro,avisando-nos que não há mais tempo para continuarmos dando desculpas é hora de nos consagrarmos sem reservas e mostrarmos ao mundo que quem guarda o Domingo,está sendo no mínimo cúmplice de blasfemia contra a autoridade de Deus,pois quem mudou este mandamento,no caso em tela o mandamento do sábado,pretendeu termais poder e autoridade do que Deus e piór está simbolicamente,entrando no Santuário de Deus que está no Céu e abrindo a Arca da aliança e tomando em suas mãos pecaminosas as tábuas da lei de Deus e riscando o mandamento do Sábado e escrevendo o domingo em seu lugar,ou riscando ou mudando a ordem e dividindo o décimo em dois ,como se ve nos mandamentos do catecismo e tudo isso sem a ordem do grande Deus.
O Sábado é o selo ou carimbo da autoridade de Deus em todo o universo e também simboliza aautoridade e a divindade de Jesus.
Estou acompanhando os movimentos pró decretos dominicais dos EUA,tais como a Coalizão Cristã,por exemplo.Esses movimentos em defeza de leis dominicais naquele país estão bem adiantados e os contatos dos mesmos com o Vaticano também e a qualquer momento o nosso bom Deus pode dar a ordem para que os quatro anjos soltem os ventos e o decreto dominical naquele país explodirá e nós continuaremos,pastores e membros da igreja Adventista do Setimo Dia,nos fazendo de cegos e surdos e dormindo a sono solto?
Continuaremos dizendo que a lei dominical a pra muitos anos no futuro?Continuaremos adiando nossa consagração a Deus,recebermos a porção dupla do seu Espírito e com a ajuda dEle saimos urgentemente da mornidão e de cima do muro?Que o amor ,amisericórdia e o poder de Deus nos encontre já,do contrário seremos pesados na balança e achados em falta e nos perderemos estando praticamente com um pé no céu.Qual é a vossa decisão,irmãos?
Que Deus por amor do Seu nome não nos lance fora.Amém.
Luiz Pedro Andrade da Silva.
R.Teotônia,293-Zona Norte
98280-000-Panambi-RS-Brasil

Gilson Medeiros disse...

Caro Luiz Pedro, obrigado pelo comentário.

De fato, concordo plenamente de que não podemos deixar de nos aperceber dos fatos que estão se descobrindo diante de nós.

O tempo está próximo.
Maranata!

Gilson Medeiros disse...

Cara Jamile, não podemos dizer exatamente quando vai sair o decreto. Qualquer coisa que você ouça neste sentido, venha de quem vier, não passará de mera especulação.

O que sabemos é que partirá dos Estados Unidos, como uma legislação para todo o mundo. Leis estaduais ou municipais isoladas, não são o cumprimento da profecia. Talvez o seu prenúncio, mas não seu cumprimento.

Um abraço.
Gilson.

Pauliery disse...

Pr. gilson faço hoje meu primeiro comentario para o senhor, a aproximadamente três anos venho acompanhando seu trabalho neste blog e o parabenizo por todo o seu trabalho porem senti nescessidade de lhe comunicar para ter cuidado com o que vc vem publicando pois tenho notado um forte combate do senhor aos fanáticos porem sem ter a devida prudencia pois ezequiel manda que seja dado o alarme e em questão do decreto dominical a uma tendencia de achar que quando ele for proclamado averá tempo para adventistas descuidosos se preparar e isto é uma grande mentira o preparo deve ser hoje e de forma apressada pois não estamos nos preparando para a volta de jesus, e sim para o derramamento da chuva cerôdea pois os que não receberem a chuva do espirito santo de Deus não receberão o premio que a volta de jesus.
Meu alerta na realidade é para que o senhor pondere mais ao publicar os assuntos pois nas suas ultimas postagens uma tendencia muito forte ao comodismo e ao desequilibrio nocivo ao vigiar constantimente.
Um abração e que Deus esteja com vc.

Gilson Medeiros disse...

Prezado Pauliery, como você acompanha o blog há tanto tempo, já sabe que eu sigo uma linha mais "conservadora" em matéria de teologia e doutrina. Ou seja, creio em tudo que nossos primeiros líderes ensinaram, e procuro viver isso em minha vida pessoal.

Porém, a "onda" de fanatismo que vejo em alguns lugares, na minha opinião, nada tem que ver com "busca do Espírito Santo ou da chuva serôdia". Creio que tudo isso é apenas fanatismo puro, próprio de pessoas que não entenderam o tema da justificação pela fé, e acreditam que a religião é apenas "fazer" ou "deixar de fazer" coisas.

Já fui assim também algum dia, mas Deus me mostrou que não preciso usar as profecias de forma "alarmista" ou "fanática", pois isso só cria falsa expectativa e decepção quando os fatos alardeados não se cumprem.

O decreto dominical vai sair, e isso é fato concreto! Mas ficar especulando sobre isso, apenas para criar um sermão "atrativo" para o sábado de manhã, não me parece um procedimento correto.

É assim que penso!

Um abraço.
Gilson.

Andrade da Silva disse...

Pr.Gilson, que Deus lhe abençoe ricamente. Acabo de ler o comentário de Pauliery e o seu comentário, foi muito bem feito, porém, como estudioso profundo, das profecias e dos escritos da Srª Write, vejo uma profunda necessidade de verdadeiro reavivamento e reforma por parte da igreja. A NECESSIDADE MAIS URGENTE DA IGREJA, É JUSTAMENTE, O RECEBIMENTO DA CHUVA SERÔDIA, SEM A QUAL JAMAIS CUMPRIREMOS NOSSA MISSÃO E SE NOSSA MISSÃO FICAR PELA METADE, JAMAIS ENTRAREMOS NO CÉU. Isso é doloroso, mas é verdade. A mensagem de Laudicéia não está sendo pregada e muito menos colocada em prática, porque? Porque, não estamos pregando a terceira mensagem angélica? Falar sobre o verdadeiro selamento, o recibimento do selo de Deus e advitir o povo para que evitem receber a marca da Besta, essa é nossa missão hoje. Claro, sempre tomando-se muito cuidado, para não estabelecer datas para a segunda vinda de Jesus. Outro cuidado, é não ficarmos marcando- se datas para o decreto dominical, porém, sempre de olho nos acontecimentos e no cumprimento das profecias. Os decretos atuais no Chile, Croácia e na Alemanha, devemos entender, como um AVISO E UM TOQUE, que Deus está dando no nosso ombro. Esses decretos dominicais moderados, mostram, que o verdadeiro decreto, está muito mais próximo do que pensamos e assim sendo, já é hora de nós como igreja, reavaliarmos nossa posição e nos consagrarmos sem reservas a Deus, buscando com mais intensidade o recebimento da Chuva serôdia. Mas há algumas coisas, que impedem este acontecimento: Os pecados acariciados, fofocas, luta pela supremacia entre líderes, Justiça própria, Excesso de maquiagem e pintura, Ritmo e bateria em alguns cultos ou eventos da igreja. Se quizermos como Igreja , recebermos a chuva do Espírito Santo, triste é dizê-lo, mas vamos ter que mudar e já. Será que os irmãos que lerem este modesto comentário, vão pedir poder a Deus, para que issa mudança aconteça na igreja? Vamos pregar mais sobre esses assuntos com a mão nos ombros dos irmãos e com lágrimas na voz?

Francisco A. de Azevedo disse...

Gilson,

Saudações Cristãs!

Veja uma afirmação de um de seus comentários acima:
===============================
"2. Nunca se deve isolar um texto bíblico e criar pretextos em cima dele. Vejamos...
"Respondeu-lhe Jesus: Amarás o Senhor, teu Deus, de todo o teu coração, de toda a tua alma e de todo o teu entendimento. Este é o grande e primeiro mandamento. O segundo, semelhante a este, é: Amarás o teu próximo como a ti mesmo. Destes dois mandamentos dependem toda a Lei e os Profetas" (Mateus 22:37-40).

Observe que Jesus não "resumiu" os 10 mandamentos no sentido de desprezá-los e crias NOVOS. O texto é muito claro: "Destes dois mandamentos DEPENDEM...". Vê?
Os 2 mandamentos não são NOVOS mandamentos, mas apenas uma simplificação, se podemos assim dizer, da Lei de Deus. Dizer que com esta passagem Jesus aboliu os 10 mandamentos, é usar uma argumentação que não se sustenta pelo texto bíblico.
Ora, como expressamos estes "amor de todo coração"? Como amamos ao próximo "como a nós mesmos"?
A Lei Moral já responde estas perguntas, pois os 4 primeiros mandamentos nos mostram exatamente COMO amar a Deus de todo coração, e os outros 6 mandamentos também nos mostram COMO demonstramos que amamos ao nosso próximo como a nós mesmos."
============================

Não vejo Amar a Deus sobre todas as coisas e amar ao próximo com a ti mesmo como um resumo dos dez mandamentos, veja porque:

Os dez mandamentos não falam de amor.

Veja bem; Sobre os DEZ Mandamentos,
há a concordância, que:

1 - Não ter outros Deuses, Só Nosso Criador;
2 - Não fazer/ter/adorar/imagens;
3 - Não falar o nome de Deus em vão;
4 - Lembra-te do sábado(Descanso -repouso);
5 - honrar pai e mãe;
6 - Não matarás;
7 - Não adulterar;
8 - Não furtarás;
9 - Não dirás falso testemunho:
10- Não cobiçarás.

Os quatro primeiros - fala-nos do verdadeiro Deus e fuga da idolatria - ( NÃO FALA DE AMAR A DEUS OU DE SERMOS AMADOS POR ELE);

O seis seguintes - (FALA-NOS DE NÃO PREJUDICAR O PRÓXIMO, MAS NÃO DE AMÁ-LO E SER AMADO POR ELE)


Vejamos:

Quando Jesus disse:

Mateus 22:38
"Destes dois mandamentos dependem toda a lei e os profetas."

Ele disse LEI E PROFETAS, e não os dez mandamentos e os profetas!

Quando a Bíblia fala "lei" nem sempre se refere aos dez mandamentos; e quando diz "mandamentos", nem sempre se refere aos dez mandamentos, veja por quê:


Os dez mandamentos são uma fração dos mandamentos(LEIS) do Senhor contidas no Torah.

O Torah tem 613 mandamentos que devem ser estudados junto com o Talmude, para entender a alma do povo Judeu.

- 248 mitzvot eram(são) mandamentos positivos, como por exemplo a diretriz de que o Judeu deve cuidar da viúva e do órfão;

- 365 eram mandamentos negativos (são), como por exemplo a advertência de que o Judeu não deve aceitar suborno;

E Assim por diante...

Portanto vendo por este ângulo e sabendo que a bíblia foi escrita por Judeus, e que quando fala em mandamentos, temos a obrigação de permitir outros além dos dez.
======================

Então, sobre esta afirmação de que "AMAR A DEUS SOBRE TODAS AS COISAS E AO PRÓXIMO COMO A TI MESMO", tratar-se de resumo dos dez mandamentos, É UM PARADIGMA OU UM SOFISMA.

=======================

Ajudado em consulta ao livro "o Físico" - páginas 410 e 414. Contém fatos históricos.

Atenciosamente,

Do Irmão em Cristo
Francisco Alberto

Gilson Medeiros disse...

Caro irmão Francisco Alberto, entendi o que o sr. quis dizer, mas prefiro continuar com as palavras de Jesus em Mat. 22:40, pois foi Ele mesmo quem disse que destes 2 mandamentos "dependem" (quem lê, entenda) toda a lei.

Não vejo nenhum "sofisma" ou "paradigma" nesta declaração.

Um abraço.
Gilson.

Francisco A. de Azevedo disse...

Gilson,

Saudações!

Não contestei a afirmação de Jesus, citada por você; contestei a afirmação de que "AMAR A DEUS SOBRE TODAS AS COISAS E AO PRÓXIMO COMO A TI MESMO, seja UM RESUMO DOS DEZ MANDAMENTOS"

Obrigado pela presteza em responder!

Fique na paz!

Francisco Alberto de Azevedo

Andrade da Silva disse...

Francisco, nós precisamos nos concentrar, nos dez mandamentos, que DEUS, escreveu em tábuas de pedra, com o SEU próprio DEDO, simbolizando sem duvidas nenhuma, a perpetuidade da santa lei de Deus. OLHE COM FÉ, PARA O MINISTERIO DE CRISTO EM NOSSO FAVOR, E PARA O DECÁLOGO, NO SANTUÁRIO DE DEUS QUE ESTÁ NO CÉU. APOC. 11:19. PARA O VERDADEIRO CRISTÃO, A LEI DO CÉU DEVE SER MAIOR DO QUE AS LEIS HUMANAS. ABRAÇO!

Francisco A. de Azevedo disse...

Andrade da Silva,

Saudações Cristãs!

É de extrema importância o que você disse, contudo devemos ver, observar e entender os os dez mandamentos corretamente.

Penso que tenha lido com bastante vagar os meus dois comentários acima, principalmente quando observei sobre os dez mandamentos que:

Os quatro primeiros - fala-nos do verdadeiro Deus e fuga da idolatria - ( NÃO FALA DE AMAR A DEUS OU DE SERMOS AMADOS POR ELE)
O seis seguintes - (FALA-NOS DE NÃO PREJUDICAR O PRÓXIMO, MAS NÃO DE AMÁ-LO E SER AMADO POR ELE)

Penso que Jesus quis mostrar que guardar os dez mandamentos não é sinônimo de amor, veja porque:

Quando da parábola do Bom Samaritano(LUC 10:25 A 37), os dois zelosos guardadores da lei, ou seja o LEVITA E O SACERDOTE, que viviam no ministério da lei, PASSARAM DIRETO PELO MORIBUNDO A BEIRA DA ESTRADA, Pois os dez mandamentos não os condenava por não socorrê-lo(FALTOU O AMOR); CONTUDO O BOM SAMARITANO, pertencente aos perdidos, como diziam, compadeceu-se dele e o socorreu(PLENO DE AMOR). O Bom Samaritano vivia no Ministério do Espírito e não no ministério da lei.

PERGUNTA 1: O BOM SAMARITANO GUARDAVA OS DEZ MANDAMENTOS? guardava o sábado?
PERGUNTA 2: O LEVITA E O SACERDOTE GUARDAVAM OS DEZ MANDAMENTOS? guardavam o sábado?

(Já li que a bíblia não pode ser interpretada com base na parábolas, mas não foi na bíblia que li isto)

Para hoje:
(Guardar o sábado no contexto do novo testamento, acatando o que Paulo disse em Colossenses 2:16 e 17 e Romanos 14:5 e 6)

Quando do Grande julgamento, Jesus dirá:

Mateus 25
31 Quando, pois vier o Filho do homem na sua glória, e todos os anjos com ele, então se assentará no trono da sua glória;
32 e diante dele serão reunidas todas as nações; e ele separará uns dos outros, como o pastor separa as ovelhas dos cabritos; 25 33 e porá as ovelhas à sua direita, mas os cabritos à esquerda.
34 Então dirá o Rei aos que estiverem à sua direita: Vinde, benditos de meu Pai. Possuí por herança o reino que vos está preparado desde a fundação do mundo;
35 porque tive fome, e me destes de comer; tive sede, e me destes de beber; era forasteiro, e me acolhestes;
36 estava nu, e me vestistes; adoeci, e me visitastes; estava na prisão e fostes ver-me.
37 Então os justos lhe perguntarão: Senhor, quando te vimos com fome, e te demos de comer? ou com sede, e te demos de beber? 38 Quando te vimos forasteiro, e te acolhemos? ou nu, e te vestimos?
39 Quando te vimos enfermo, ou na prisão, e fomos visitar-te?
40 E responder-lhes-á o Rei: Em verdade vos digo que, sempre que o fizestes a um destes meus irmãos, mesmo dos mais pequeninos, a mim o fizestes.

No juizo o amor triunfará

Moral da história:

Se vamos obedecer aos mandamentos, não nos comportemos como O LEVITA, O SACERDOTE, MUITOS ESCRIBAS, MUITOS FARISEUS E MUITOS MAIORAIS DO TEMPLO, que secamente aplicavam a lei, sem um olhar com bondade , perdão, amor e misericórdia,.

"O CUMPRIMENTO DA LEI É O AMOR".

CONCLUINDO:

Não sabemos se Jesus vai perguntar sobre pontos divergentes de doutrinas e regras outras, mas com certeza as manifestações de amor, Ele vai.

Atenciosamente

Do Irmão em Cristo

Francisco Alberto de Azevedo

Francisco A. de Azevedo disse...

Gilson,

Saudações Cristãs!

O Comentário não tem como objetivo dizer que os dez mandamentos não estão em vigor, muito pelo contrário, penso que estão válidos no contexto da NOVA ALIANÇA.

Sobre a passagem bíblica citada(Mateus 22:40), veja no próprio contexto da bíblia na linguagem de hoje.

Fica bem claro.

Jesus disse: 'TODA A LEI DE MOISÉS E OS ENSINAMENTO DOS PROFETAS".

========================
Mateus:
22.36 — Mestre, qual é o mais importante de todos os mandamentos da Lei?
22.37 Jesus respondeu: — “Ame o Senhor, seu Deus, com todo o coração, com toda a alma e com toda a mente.”
22.38 Este é o maior mandamento e o mais importante.
22.39 E o segundo mais importante é parecido com o primeiro: “Ame os outros como você ama a você mesmo.”
22.40 Toda a Lei de Moisés e os ensinamentos dos Profetas se baseiam nesses dois mandamentos.
=======================

Tanto que nos dez mandamentos não consta aquele que diz que "O JUDEU DEVE CUIDAR DA VIÚVA E DO ÓRFÃO", e também, outros mandamentos de tremenda importância.

Portanto, quando a bíblia fala em "mandamentos", nem sempre se refere aos dez mandamentos, acontecendo o mesmo quando a bíblia diz "Lei".

Penso que deves publicar por ser de extrema importância, QUANTO AO ENTENDIMENTO DAS PALAVRAS "MANDAMENTOS E LEI".

Obrigado!

No Amor de Nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo!

Abraço.

Francisco Alberto de Azevedo

Gilson Medeiros disse...

Caro Sr. Francisco, como o sr. sabe, não podemos basear interpretação bíblica em versões "modernizadas", como a Linguagem de Hoje, pois às vezes elas fazem uma tradução não tão "perfeita" para poder exprimir um pensamento mais "compreensível", segundo a ótica da equipe que editou tal versão.

No caso do texto em Mat. 22:40, o original grego utiliza o termo NOMOS para a palavra traduzida por "lei" na versão Almeida.

É a mesma palavra utilizada em referência aos 10 mandamentos (por exemplo: 1Jo. 3:4).

Portanto, prefiro ficar com as Escrituras mais "conservadoras" e crer que Jesus Se referiu mesmo aos 10 mandamentos quando disse que eles estavam baseados (dependiam, resumiam) nos 2 mandamentos do amor.

Um abraço.
Gilson.

Francisco A. de Azevedo disse...

Gilson,

Obrigado por postar meus comentários!

Entendo o que você explicou.

Veja a seqüencia da narração em Lucas 10: 25 a 37, quando o Interprete da Lei perguntou:

Mestre que farei para herdar a Vida eterna? (Lucas 10:25)

Termina com a resposta do próprio interprete da Lei dizendo o termo: "O que usou de misericórdia para com ele."

Veja: Os dez mandamentos não ensinam a se comportar como o Bom Samaritano se comportou, pois caso contrário o Sacerdote e o Levita, que os guardavam, teriam socorrido o homem assaltado e ferido.

O Levita e o Sacerdote, guardavam os dez mandamentos, contudo negaram a misericórdia.

Guardar os dez mandamentos não é sinônimo de amar ao nosso próximo.

Entendo assim o que Jesus quis ensinar.
===================================
Lucas 10:
25 E eis que certo homem, intérprete da Lei, se levantou com o intuito de pôr Jesus à prova e disse-lhe: Mestre, que farei para herdar a vida eterna?
26 Então, Jesus lhe perguntou: Que está escrito na Lei? Como interpretas?
27 A isto ele respondeu: Amarás o Senhor, teu Deus, de todo o teu coração, de toda a tua alma, de todas as tuas forças e de todo o teu entendimento; e: Amarás o teu próximo como a ti mesmo.
28 Então, Jesus lhe disse: Respondeste corretamente; faze isto e viverás.
29 Ele, porém, querendo justificar-se, perguntou a Jesus: Quem é o meu próximo?
30 Jesus prosseguiu, dizendo: Certo homem descia de Jerusalém para Jericó e veio a cair em mãos de salteadores, os quais, depois de tudo lhe roubarem e lhe causarem muitos ferimentos, retiraram-se, deixando-o semimorto.
31 Casualmente, descia um sacerdote por aquele mesmo caminho e, vendo-o, passou de largo.
32 Semelhantemente, um levita descia por aquele lugar e, vendo-o, também passou de largo.
33 Certo samaritano, que seguia o seu caminho, passou-lhe perto e, vendo-o, compadeceu-se dele.
34 E, chegando-se, pensou-lhe os ferimentos, aplicando-lhes óleo e vinho; e, colocando-o sobre o seu próprio animal, levou-o para uma hospedaria e tratou dele.
35 No dia seguinte, tirou dois denários e os entregou ao hospedeiro, dizendo: Cuida deste homem, e, se alguma coisa gastares a mais, eu to indenizarei quando voltar.
36 Qual destes três te parece ter sido o próximo do homem que caiu nas mãos dos salteadores?
37 Respondeu-lhe o intérprete da Lei: O que usou de misericórdia para com ele. Então, lhe disse: Vai e procede tu de igual modo.
===================================
Obrigado pelo espaço,

No amor de Nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo.

Francisco Alberto de Azevedo

Andrade da Silva disse...

Amado irmão Francisco, não vamos seguir o triste exemplo do levita e do sacerdote e sim do MESTRE dos mestres. Jesus verdadeiramente guardou a lei de SEU Pai, demonstrando amor e somente fazendo o bem as pessoas.A piedade dos Cristãos a postólicos, precisa ser real em nossas vidas, do contrário, toda a nossa profissão de fé, será vã. Que Deus nos ajude, a guardarmos seus dez mandamentos, inclusive o Sábado, mas vivendo também a verdadeira piedade a amor entre os irmãos e irmã em Cristo.

Anônimo disse...

Querido amigo, pastor e irmão em cristo, Gilson Medeiros.
Não seria o título da postagem: Saiu o decreto dominical,uma "mentirinha branca" ? Rsrsrs!!!
Um abraço e até...A volta de Jesus!

Antonio P. Gras

Gilson Medeiros disse...

Caro Antônio Gras, não se trata de "mentirinha". Utilizei um recurso jornalístico, que normalmente conhecemos por "manchete alarmante" (é também muito usado na colportagem). O objetivo é fazer com que as pessoas sejam atraídos pelo "alarme" feito através da manchete.

O irmão pode observar no texto que o título refere-se ao panfleto falso, que foi divulgado entre algumas igrejas há uns 3 anos.

Um abraço.
Gilson.

Anônimo disse...

Pastor, com todo respeito, mas esse decreto dominical nunca vai acontecer, VEJA:

http://exadventistas.blogspot.com/2010/12/o-decreto-dominical-os-catolicos-um.html

O SR SABIA QUE A BIBLIA ESTA CHEIA DE PROFECIAS QUE NÃO ACONTECERAM ?

Como castigo pela morte de Abel, Deus diz que Caim será "fugitivo e errante." Um pouco mais a frente, nos versos [Gen 16 e 17] Caim se estabelece, se casa, tem um filho e constrói uma cidade. Isto não é atitude que se esperaria de um fugitivo e errante. [Gen 4:12]

"E a quarta geração [dos descendentes de Abraão] tornará para cá." Mas, se nós contamos desde Abraão, então o retorno deles aconteceu depois de sete gerações: Abraão, Isaque [Gen 21:1-3], Jacó [Gen 25:19-26], Levi [Gen 35:22-23], Coate [Ex 6:16], Anrão [Ex 6:18] e Moisés [Ex 6:20]. [15:16]

Deus promete devolver Jacó ao Egito, mas Jacó já estava no Egito. [Gen 47:28-29] [Gen 46:3]

Ao contrário do que diz a profecia em [Gen 48:21], José morreu no Egito, não em Israel. [Gen 50:24]

Os israelitas, ao contrário da promessa de Deus, não conseguiram expulsar os cananeus. [Jos 17:12-13]

Deus promete que Josias terá uma morte calma. Mas a morte de Josias foi qualquer coisa menos calma [II Rs 23:29-30], [II Cr 35:23-24]. [22:20]

"Nunca mais entrará em ti [Jerusalém] nem incircunciso nem imundo." Mas muitas pessoas incircuncisas visitaram e ocuparam Jerusalém depois que esta profecia foi feita. [Is 52:1]

E TEM MUITAS OUTRAS, ASSIM É BEM MELHOR NÃO ACREDITAR EM PROFECIAS

DEUS NÃO ESCREVEU LIVRO NENHUM E CHEGA DESSA IDÉIA QUIXOTESCA DE DECRETO DOMINICAL

Gilson Medeiros disse...

Ideia "quixotesca"... kkkkk... você me fez rir muito.

Com todo respeito, Anônimo, esta é SUA opinião... a MINHA é outra!

Um abraço.
Gilson.

Ricardo Victal de Lima disse...

Prof. Gilson, a paz de Cristo.
Querido irmão, os autores Dirk Anderson e Geofre Shigley escreveram artigos críticos sobre Ellen White.
Todas as fontes históricas - livros - são citados, o que facilita a verificação da veracidade ou não das informações.
Um dos livros é “AMÁLGAMA DE HOMEM E BESTA” O QUE ELLEN WHITE QUIS DIZER?
Gordon Shigley* e o outro é "A NUVEM BRANCA" de Dirk Anderson.

O que o irmão tem a dizer a respeito?
Desde já, agradeço pela atenção.

Um abraço fraternal.

Ricardo.

Gilson Medeiros disse...

Olá, Ricardo.

Tudo que esses dissidentes escreveram contra Ellen White já foi devidamente respondido há muito tempo.

Aqui mesmo no blog você encontra este material.

Dê uma olha, por exemplo, no post "Ellen White era racista", e entenda esta questão da "amálgama" de homem e animal.

Um abraço.
Gilson.

Ricardo Victal de Lima disse...

Querido irmão Gilson, posso enviar um email para o Sr.?
Meu email é: ricardovictal@yahoo.com.br

Desde já, agradeço pela atenção.

Um abraço fraternal e fica com Deus.

Ricardo Victal de Lima.
IASD-RJ

Gilson Medeiros disse...

Prezado Ricardo, meu e-mail está à sua disposição.

Um abraço.
Gilson

Manoel disse...

o decreto dominical nao vai sair... é isso mesmo que eu escrevi (ele ja existe), so não está em vigor por causa de uma outra lei chamada liberdade religiosa. Mas quando está for anulada então voltará a vigor.

Anônimo disse...

Todos temos direitos de falar nossas opiniões certo?

Acontece que os boatos sobre o decreto dominical não são apenas boatos adventistas.Olhem esse site oficial católico!

http://infocatolica.com/?t=noticia&cod=9071#c49551

O povo não pode ser cegado
Informações:
amigo-amigo@hotmail.com

Gustavo Vieira disse...

Ora, não é este o tempo do fim? O tempo o qual estamos sob?
Queridos, é este o momento de pregar e estudar apocalipse e daniel sim, claro, não esquecendo os ensinamentos de toda a bíblia, até porque toda a bíblia é interligada. Somos a igreja de Laodicéia, aquela que na maiorias das igrejas, se encontram mornas, nem quentes e em frias, deixando que a vida passe. Estamos parados, achando que tudo que está acontecendo é normal. Queridos, abram os olhos, estamos indo a nossas igrejas para encontrar amigos, papear, falar da vida la fora e acabamos a cada sábado realizando 2 cultos, com 2 pregadores. Hoje é o tempo, de sair da mornidão, de pregar e sim, se preparar, decreto dominical, terremotos, enfim... tudo isso já está ocorrendo, e são claramente os sinais de apocalipse. Não queiram ser aqueles que serão vomitados por Deus por estarem na mornidão. Esquentemo-nos, pois, sim, somos os 144 mil que Deus, a bíblia, João e a irmã White tem falado desde muito tempo. Abramos os nosso olhos para ver com olhos espirituais o que tem ocorrido. Sái dela povo meu".

Temei a Deus e da-lhe glória, pois é vinda a hora do seu juízo e adorai aquele que fez o céu, o mar, a terra e as fontes das águas.

Ora vem Senhor Jesus.


Gustavo Vieira - 18 anos - IASD Engenho da Rainha - RJ

Anônimo disse...

Prof.
Eu creio que quando lancarem o decreto, o governo obrigará as empresas que funcionam de seg. a sex. à passar abrir suas empresas no sabado tbm! Porque se a questão é perseguir justamente os que guardam o sabado da bíblia então acho que será assim.

Com relação a comprar e não pode vender tbm senão aquele que tiver a marca da besta, creio que o governo obrigará as empresas notificar aos orgãos publico para de alguma forma sujar os nomes do fieis seguidores de cristo, sendo assim não teremos recurso nenhum pra negociação e nem compra alguma.

Tbm não duvido que mudem o nosso calendario atual. O sabado ao inves de ser um fds como o domingo, passaria a ser um dia na semana normal.

To fantasiando muito ou é mais ou menos por ae?

abraços

Gilson Medeiros disse...

Caro Anônimo, eu não diria que você está "fantasiando", pois sua opinião acerca dos eventos finais pode estar correta.

Apenas creio que você não deve ensinar isso como se fosse uma "profecia", ou seja, como se fosse realmente assim que as coisas acontecerão, pois isso seria ESPECULAÇÃO.

Vamos esperar para vermos como será.

Um abraço.
Gilson.

mariwaldo alves disse...

O que posso dizer, é que percebe-se de uma forma muito clara um paradoxo entre o discurso e a prática: a cúpula da igreja prega do breve advento de CRISTO, contudo, infelizmente, há muitos líderes que nem mesmo acreditam verdadeiramente nessa possibilidade. Pois fazem de sua retórica uma forma de manipular as pessoas, agora, com também 10% de oferta para "apressar os preparos para esse grandioso evento, enquanto eles, estão com seus filhos estudando em boas faculdades se preparando para um "futuro" promissor.Pregam aquilo que nem mesmo eles acreditam!!!!! NÃO MUDOU NADA...OS SACERDOTES...O CLERO...OS PASTORES...sempre se usufruindo das fragilidades daqueles que de fato CREEM nas coisas do ceu!!!!!!

Gilson Medeiros disse...

Caro Mariwaldo, desculpe discordar do seu ponto de vista.

Generalizar opiniões nunca é o reflexo de um pensamento equilibrado e sensato. É claro que podem existir líderes que perderam seu senso de missão. Mas dizer que "todos" agem assim, é uma tremenda falácia, na minha opinião.

Conheço inúmeros líderes (voluntários e assalariados) que são grandes missionários, e pregam a volta de Jesus com afinco.

Sinto se você possa ter se decepcionado com algum deles. Mas não deixe que isso atrapalhe sua fé.

Um abraço.
Gilson.

carlos jorge disse...

querido pastor e meu irmão em cristo,gilson você esta de parábems pelo seu blog, de alerta para os ultimos acomtecimentos da história deste mundo e o decreto dominical é o principal, e estamos na expectátiva pois sábado recente no culto divino o pregador anunciol já a assinatura do decreto dominical dia 13 de setembro deste ano de 2012, o irmão já sabe disso? se o irmão tem algo mais nos revele urgente, pois precisamos esta prontos para a ultima batalha, amêm un abraço meu querido irmão gilson.

Silvana disse...

Pastor, não será esse o tempo de irmos para o campo, procurarmos um lugar onde plantemos e poderemos nos abrigar da perseguição que ocorrerá por ocasião do decreto, pois quando sair não poderemos comprar nem vender. Nosso dinheiro será confiscado, perderemos os empregos, de cara os públicos. Como será a vida nesse tempo? Eu sei que Hellen deiz que nosso sustento e agua serão certos, mas será que se não fizermos alguma provisão para isso, estaremos seguros? Até ouvir dessa nova reunião entre Obama e o Papa no dia 13/09/12 meus planos era construir uma casa, mudar os móveis, trocar de carro. Mas agora, veja que se perder meu emprego, não terei nada e nem para onde ir. então não seria esse o tempo de comprar um campo, num lugar escondido e deixar tudo preparado para quando sair o decreto, digo, já começar plantando na terra, armazenando alimentos, roupas, remédios. Pois, quando o decreto sair, que tempo teremos para providenciar abrigo para nossos familiares, talvez só o tempo de pegar o carro e fugir para a fazenda. Digo isso, porque é o que pretendo fazer e alerto a todos os que estão de fato esperando a vinda do Senhor. Só agora, depois de 25 anos de fé, vejo que chegou de fato a hora. Tenho pregado sobre a volta de Jesus todos os dias para os meus colegas de trabalho, familia e amigos, mas antes, parece que eu fazia parte daqueles que clamava por chuva na praça, mas não levava o guarda-chuva. espero que ainda dê tempo de comprar um. Fiquem com Deus. Silvana Figueira, Vitoria da Conquista

Gilson Medeiros disse...

Cara Silvana, penso que você está corretíssima.

A situação já chegou a tal ponto, que aqueles que puderem se deslocar para cidades menores devem fazê-lo.

Em breve o "cerco vai apertar", e já não teremos mais tantas oportunidades.

Um abraço.
Gilson.

Giuli Cruz disse...

Gostei muito desse assunto "Decreto Dominical". Eu amo oivir sobre isso.

queria pedir autorização para postá- lo também no meu blog, com as devidas citaçoes de direitos autorais...

O meu blo é : www.giulicruzapata.blogspot.com
Um abraço....

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...